Conheça o lindíssimo gato Angorá e saiba se ele é ideal para você


raça de gato Angorá

O gato Angorá é suave como uma nuvem, fiel como um cachorro e orgulhoso como um leão. 

Ao que tudo indica ele é a raça de gatos mais antiga e preciosa do mundo.

A sua elegância única, juntamente com a sua pelagem branca e fofa, o torna um dos gatos mais perfeitos e desejados. 

Mas não se deixe enganar por sua aparência angelical: sua personalidade é feroz e ele é muito independente.

O gato Angorá é nativo da Turquia, precisamente de Angorá (atual cidade de Ancara).

E os primeiros registros sobre este esplêndido felino remontam a 1.400, quando foi notado nos mercados orientais pela sua incrível beleza.

Tornando-o símbolo de riqueza.

Em 1.600 chegou à Europa graças a um italiano, Pietro Della Valle, e a um francês, Fabri de Peiresc, que o deu de presente à corte real. 

Na Europa, o gato Angorá foi cruzado com outras raças de gatos comuns e daí nasceu o gato Persa, o que acabou ofuscando um pouco da popularidade do felino original.

Até 1959, a exportação de gatos Angorá, para fora da Turquia, era proibida pelo governo a fim de preservar a espécie. 

Só mais tarde, alguns dos exemplares foram confiados, em casos excepcionais, a duas esposas norte-americanas que iniciaram a criação e permitiram a expansão do atual gato Angorá para o mundo.

Gato Angorá entre mitos e lendas

Desde suas origens, ele foi cercado por mitos e lendas que o tornaram Patrimônio Nacional pelo governo turco em 1930.

Uma das lendas conta que a Rainha Maria Antonieta, antes da revolução, confiou seus 6 gatos a uma pessoa de confiança para protegê-los e enviá-los com segurança para o exterior. 

Na América, os gatos Angorá foram cruzados com outras raças e deram origem a raça Maine Coon. 

O acasalamento com outras raças quase levou à extinção do gato Angorá puro, por isso tornou-se uma raça protegida no início do século XX.

De acordo com outra lenda, este esplêndido felino também é chamado de “gato dos desejos”.

Porque nos tempos antigos os turcos acreditavam que sussurrando um desejo em suas grandes orelhas isso se tornaria realidade, graças à relação com o sobrenatural que o gato branco tinha.

gato angorá cinza
Gato Angorá cinza

Características físicas

Atlético, mas elegante, o andar do gato Angorá é muito gracioso em seus movimentos. 

O corpo é esguio e alongado e a cabeça parece menor que o tronco. 

Um gracioso nariz arrebitado suaviza as feições e um olhar orgulhoso, onde grandes olhos amendoados expressam toda a beleza desta raça.

As orelhas são largas na base e com tufos de pelos protuberantes, mas a pelagem é sua principal beleza. 

Sua semelhança com um leão em miniatura é dada pela abundância de pelos longos e sedosos na gola, como uma juba fofa. 

O gato Angorá, tem pelagem branca e olhos azuis, mas também pode ter diversas cores.

Personalidade do gato Angorá

O Angorá é um gato com personalidade. 

Ele tem uma natureza muito afetuosa e exige muitos mimos. 

Além de ser leal ao seu dono, ele vai segui-lo por toda a casa, enquanto você faz suas tarefas diárias.

Ele adora estar perto do seu dono. 

Além disso, ele gosta de brincar e se dá bem com todos, mas não é muito disposto a dividir seu território.

Sua disposição pode colocar em risco móveis e objetos da casa, porque ele tem a tendência de correr e trepar como os grandes felinos.

Por isso é melhor sua casa ter um espaço ao ar livre onde ele possa brincar e gastar as suas energias. 

E então, gostou de conhecer um pouco mais sobre o gato Angorá?

Conta para nós nos comentários.

Raças de gato e artigos que podem te interessar:

5/5 - (1 vote)